PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA: SAÚDE E EDUCAÇÃO UNINDO ESFORÇOS PARA O DESENVOLVIMENTO DOS ALUNOS CAMPONOVENSES.

Secretaria Municipal de Saúde 15/04/2019

No último dia 8 a Secretaria de Saúde conjuntamente com a Secretaria de Educação estiveram oficialmente abrindo os trabalhos do ano de 2019, no que se refere a todas as ações abrangidas pelo programa, em um esforço conjunto para construir políticas intersetoriais para a melhoria da qualidade de vida da população das escolas: o aluno.

As ações visam o enfrentamento das duas áreas de forma articulada, ou seja, saúde e educação reconhecem e acolhem as ações de forma integrada buscando impactar positivamente na qualidade de vida dos alunos.

As ações do PSE devem estar inseridas no projeto político-pedagógico da escola, respeitando para tanto a autonomia, a diversidade sociocultural e a autonomia dos professores e das equipes pedagógicas de cada unidade escolar em sua execução.

O encontro aconteceu na Secretaria Municipal de Educação com os diretores e equipe pedagógica das escolas contempladas pelas ações do PSE, da rede municipal e estadual, em todos os níveis de ensino, sendo que cada unidade escolar recebeu uma pasta com material informativo para orientação das 12 ações que compõem o Programa.

Para que o Programa Saúde na Escola alcance seus objetivos, é primordial que as práticas sejam cotidianas e contínuas, sendo executadas também nos campos da gestão, do planejamento, e, principalmente, no compromisso de ambas as partes (saúde e educação): as unidades escolares e as equipes de Atenção Básica.

O Programa Saúde na Escola conta também com o Grupo de Trabalho Intersetorial Municipal que tem dentre as suas responsabilidades apoiar a implementação dos princípios e diretrizes do PSE no planejamento, no monitoramento, na execução, na avaliação e na gestão dos recursos financeiros.

É certo que a boa parceria intersetorial do PSE, fortalecida pelo GTI-M, estimulará os resultados e avanços necessários.

 

 

 

 

Imagens Relacionadas